José Pedro Croft cria escultura para o Castilho 203 da Vanguard Properties

Por a 7 de Janeiro de 2021


A Vanguard Properties acaba de instalar no edifício Castilho 203 uma obra de arte criada especificamente para o projecto por José Pedro Croft.  A peça de arquitectura contemporânea que agora sobressai no átrio do edifício foi, desde o início do projecto, idealizada pela Vanguard Properties para se tornar numa referência e contribuir para a redefinição do conceito de imobiliário residencial de luxo na cidade de Lisboa.

O átrio do Castilho 203 é um espaço imponente com um invulgar pé direito com cinco metros de paredes forradas a madeira e pavimento em mármore branco de Carrara, que evidencia plenamente o espírito do edifício. O pilar estrutural central serve de suporte à escultura que se desenvolve em toda a sua altura.

“A escultura composta por três painéis que se agarram ao pilar, cobertos com a mesma madeira das paredes, disfarçam-se na arquitetura, desaparecem num primeiro momento. Quando se abrem, revelam espelhos que, num movimento giratório e pivotante, trazem parte da paisagem exterior para o interior, deslocam porções de espaço da arquitetura, criando colapsos de perceção. Desmaterializam o pilar estrutural. Uma escultura que usa o espaço virtual, de imagens em movimento, com qualidades cinemáticas. Não dispensa a presença do espetador, para uma experiência que, só assim, terá sentido”, segundo José Pedro Croft.

Croft é um dos mais destacados artistas contemporâneos portugueses. A sua vasta obra interliga o desenho, gravura e escultura, tendo o seu trabalho espalhado pelo mundo em museus, galerias e coleções privadas e institucionais como o Centre Georges Pompidou em Paris, Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian em Lisboa, Fundación Caixa Galicia em La Coruña, Museo Nacional Centro de Arte Reina Sofía (MNAC) em Madrid, Museo de Arte Moderno y Contemporáneo de Santander y Cantabria, em Santander, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (MAM), European Central Bank em Frankfurt na Alemanha, entre muitos outros. José Pedro Croft foi ainda o representante de Portugal na Bienal de Arte de Veneza em 2017.

Esta peça dá expressão ao mote da Vanguard Properties – Inspired by art, designed for living. A arte faz parte do seu ADN dai que todos os projectos que a promotora tem em desenvolvimento contarão com uma obra de arte da autoria de artistas portugueses de renome.

O edifício Castilho 203 encontra-se em fase de acabamentos e será o mais exclusivo de Lisboa. Vai contar com duas tipologias de apartamentos ultra premium: City Flats e Sky Flats (com vistas deslumbrantes de 360 graus). Terá 14 pisos acima do solo com apenas 19 apartamentos de tipologias T2 e T3 e uma Penthouse no 13º piso. O Castilho 203 oferecerá a todos os seus residentes uma piscina coberta no r/c, uma piscina ao ar livre no 8º piso, spa/ginásio no 1º andar, uma ampla receção e serviços de Concierge.

PUB

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *