Nexity coloca no mercado ‘Flower Power’

Por a 13 de Outubro de 2020


Em Leça da Palmeira está a nascer um projecto residencial de nova geração, pensado para responder às necessidades dos jovens e famílias contemporâneas. O ‘Flower Tower’ promete marcar a diferença no panorama do Grande Porto, criando 108 novos apartamentos que chegam agora ao mercado pela mão do departamento residencial da JLL Portugal, que detém o mandato exclusivo para a sua comercialização.

Com uma arquitectura moderna e original, assinada pelos arquitectos OODA, esta torre residencial de 21 pisos vem criar uma oferta alargada numa localização tranquila, que alia a proximidade ao mar e à praia com a facilidade e rapidez de acesso ao centro do Porto. Com uma oferta original, criada a pensar nas novas realidades familiares contemporâneas, as casas do Flower Tower têm áreas entre os 39 e os 165 m² e estão disponíveis em várias tipologias, de T0+1 a T3+1 Duplex; sendo possível fazer algumas personalizações de modo a que o apartamento fique mais ao gosto pessoal do seu comprador.

“O Flower Tower é dos projectos residenciais mais emblemáticos lançados este ano na zona do Porto. São 108 apartamentos, com uma arquitectura original e moderna, ideais para jovens ou famílias que procuram casas óptimas, a 15 minutos do centro do Porto ou da praia, a um valor imbatível. É também uma oportunidade única de investimento”, considera Patrícia Barão, head of Residential da JLL Portugal.

Tirando partido da envolvente e da proximidade ao mar, todos os apartamentos contam com mais de uma varanda, com floreiras ajardinadas e beneficiando de janelas mais amplas que permitem desfrutar do ar livre e de vistas amplas e desafogadas. Para uma maior comodidade dos residentes, o edifício oferece estacionamento e arrecadação para a maioria dos apartamentos, destacando-se ainda as áreas de lavandaria e arrumação presentes em algumas unidades. Disponível a todos os condóminos, no piso zero existirá um espaço fitness equipado, com apoio de lavabos e acesso direto ao jardim exterior; bem como uma sala multiusos de 100 m² envidraçada com espaços de apoio (copa e lavabos) e acesso a um pequeno jardim privado, a qual poderá ser usufruída pelos residentes como espaço de co-work durante o período diurno, como local para festas privadas ou para reuniões.

PUB

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *