Imobiliário é o sector mais activo do ano

Por a 9 de Setembro de 2020

O mercado transaccional português registou, até Agosto, 207 operações com um valor total de 11,3 biliões de euros, segundo o informe mensal do TTR – Transactional Track Record. Os apresentados hoje representam um aumento de 40% do valor movimentado e uma redução de 28% no número de transações efectuadas, em relação ao mesmo período de 2019.

De acordo com o mesmo documento, no mês de Agosto registaram-se 24 transacções de fusões e aquisições entre anunciadas e concluídas, por um valor total de 1,2 biliões de euros. Na comparação anual, observa-se uma redução de 15% no número de transacções de 2020, em relação ao número de operações do ano passado. Já no valor movimentado, a diminuição anual é de 12%.

Os sector mais activo do ano é o Imobiliário com 56 transacções até o fim de Agosto, o que representa uma redução anual de 10%, seguido pelo setor Tecnológico com 28 operações, o que representa uma diminuição de 38%, em relação ao mesmo período de 2019.

Relativamente às operações cross border, as empresas dos Estados Unidos reduziram o volume de aquisições em Portugal em 63%, entre Janeiro e Agosto. Da mesma forma, que Fundos de Private Equity e Venture Capital estrangeiros também reduziram seus investimentos em Portugal em 59%.

As empresas espanholas seguem como as que mais realizam aquisições de empresas portuguesas, com 22 operações registadas até Agosto.

No sentido inverso, no que diz respeito à actua portuguesa no exterior, Espanha é o destino favorito na hora de realizar investimentos, com 10 transacções registadas até o fim de Agosto. O Brasil é o segundo país onde Portugal mais investiu mais este ano, num total de cinco transacções.

Private Equity e Venture Capital
Até Agosto, os fundos de Private Equity registaram 1,9 biliões de euros no valor transaccionado, o que representa um aumento de 20%, na comparação anual. Num total de 12 transacções, o que representa uma diminuição de 65%.
Por sua vez, os fundos de Venture Capital movimentaram um total de271 milhões de euros até Agosto. O que representa um aumento de 57% em relação ao mesmo período de 2019. Em volume, foram registados 37 investimentos, representando uma redução anual de 20%. O sector que mais atraiu investimentos foi o de Tecnologia com 16 transações, menos 45% na comparação anual.

Transacção do mês
A transacção destacada pelo TTR no mês de Agosto foi a aquisição de participação maioritária detida pela Engie e EDP na Windplus, pela OW OffShore. Esta operação do sector de energia movimentou 61 milhões de euros. A transação contou com a assessoria legal dos escritórios VdA – Vieira de Almeida, Herbert Smith Freehills e Morais Leitão, Galvão Teles, Soares da Silva & Associados.

PUB

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *