Porto cada vez mais próximo dos valores de alojamento local de Lisboa

Por a 4 de Outubro de 2018

Em Agosto de 2018, a diária média anual, no mercado de alojamento local em Lisboa situou-se nos 101,9 euros, apenas 4 euros mais do que os 97,9 euros registados no Porto, apurou a Confidencial Imobiliário. A diferença é, assim, agora de 4%, comparando com os cerca de 30% de gap verificados em Outubro de 2017, quando a diferença entre a diária média anual entre ambos os mercados atingia os 22,4 euros (a favor de Lisboa).

Desta forma, verifica-se que as diárias médias anuais no alojamento local subiram (em termos homólogos) 17,5% na cidade do Porto e 11,6% na cidade de Lisboa no 3º trimestre de 2018 (até final de Agosto), de acordo com os mais recentes resultados do Índice de Alojamento Local (IAL) da Confidencial Imobiliário.

“Esta atenuação da diferença de preços entre as duas cidades é resultado do contínuo crescimento da procura no Porto e da sua gradual afirmação como destino turístico, uma conjugação de factores que permitiu a este mercado inverter a anterior lógica de competição pelo preço que era predominante numa altura em que a oferta cresceu de forma muito expressiva”, comenta Ricardo Guimarães, director da Confidencial Imobiliário.

Em Lisboa, o Chiado-Bairro Alto apresenta as diárias médias mais elevadas (138,4 euros), embora também o eixo Castelo-Alfama se situe acima dos 100 euros (109,9 euros). No Intendente esse valor atinge os 97,2 euros, enquanto que em Santos-Madragoa a diária média está em 90,2 euros.

No Porto, igualmente sem surpresas, o Centro Histórico lidera os preços (104,6 euros), seguido de Miragaia, onde a diária média está nos 98,3 euros, e no Bonfim, com um valor de 91,8 euros.

Note-se que o valor da diária média anual tem como referência uma estada de duas noites para duas pessoas. A análise da Confidencial Imobiliário resulta da recolha de informação sobre os fogos em regime de exploração turística anunciados nas principais plataformas online. O valor é obtido pela média do valor das diárias de cada alojamento no próprio mês e nas quatro estações seguintes, abrangendo todo o ano turístico. Nas duas cidades são monitorizados os bairros com maior dinâmica em matéria de alojamento local: Lisboa (Chiado-Bairro Alto; Castelo-Alfama; Intendente; Santos-Madragoa; Intendente) | Porto (Bonfim; Centro Histórico e Miragaia).

PUB

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *