Concessionária suspende obras na hidroelétrica de Belo Monte

Por a 24 de Agosto de 2012

A concessionária Norte Energia, responsável pela construção e operação da hidro-elétrica de Belo Monte, em Altamira, na Amazónia brasileira, anunciou, esta quinta-feira, a suspensão das obras, em cumprimento da decisão judicial divulgada na semana passada.

PUB

A empresa informou também que está a tomar as medidas para tentar reverter a suspensão, e seja possível retomar as obras “o mais rápido possível”.

A justiça brasileira determinou a suspensão das obras da hidro-elétrica na última quarta-feira, após identificar irregularidades no processo de autorização da construção, nomeadamente a falta de consulta prévia às comunidades indígenas antes da permissão dos estudos para o empreendimento.

Na última sexta-feira, a Norte Energia afirmou que a paralisação das obras de construção pode deixar 20 mil trabalhadores no desemprego e que, se a suspensão durar até Dezembro, a entrega da barragem poderá demorar mais um ano. Actualmente, a conclusão da hidro-elétrica está prevista para 2019.

A hidro-elétrica de Belo Monte é um dos maiores empreendimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do governo brasileiro e, quando estiver pronta, será a terceira maior barragem do mundo, com potência instalada de 12 mil megawatts (MW), gerando em média 4.000 MW.

A obra está a gerar polémica entre os que defendem a necessidade de mais produção de energia no país e os ambientalistas, que a criticam a obra por esta prejudicar os indígenas, a fauna e a flora da região.

PUB

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *