Transaccionados 547 milhões de euros em 2009 segundo a Aguirre Newman

Por a 24 de Março de 2010

Consultora está optimista para 2010A Aguirre Newman apresentou hoje o seu mais recente estudo de mercado – o Primavera 2010 – em que analisa o comportamento dos sectores dos escritórios, indústria, comércio de rua, centros comerciais, hotéis e investimentos realizados durante 2009. Segundo Paulo Silva, managing director da consultora imobiliária, o ano transacto foi “o pior de sempre desde que se contabiliza o take up de escritórios”.

O estudo em causa aponta para um total de 547 milhões de euros investido no ano passado, traduzindo 17 transacções, destacando-se a Torre Oriente e o Edifício Expo Finanças. Este valor representa um decréscimo de 3% face aos 564 milhões investidos em 2008 no país e reflectem a “conjuntura que se vive actualmente nos mercados nacional e internacional, em que a principal retracção do sector imobiliário se deu ao nível do investimento”.

O estudo indica também que Portugal foi relegado para segundo plano no âmbito do investimento internacional, relativamente a Reino Unido, França e Alemanha. Os investidores nacionais foram responsáveis por 87% do total transaccionado no país.

Relativamente às perspectivas para 2010, o responsável da Aguirre refere que “os investidores já estão a olçhar novamente para a Península Ibérica” e que este ano “será melhor” relativamente ao ano passado, no que concerne ao mercado de escritórios. Paulo Silva refere também que “os promotores não estão a investir muito especulativamente” e que começa a existir uma saturação relativamente a centros comerciais, estando a área de comércio de rua mais dinâmica actualmente.

PUB

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *