Arquitectos abrem inquérito disciplinar à actuação de Pires Marques

Por a 20 de Dezembro de 2006

helena roseta

A presidente da Ordem dos Arquitectos, Helena Roseta, vai abrir um inquérito disciplinar à actuação do director municipal da Gestão Urbanística da câmara de Lisboa, Pires Marques, no âmbito do processo de licenciamento do loteamento Lismarvila, a erigir nos terrenos da fábrica dos sabões.

Segundo o Diário de Noticias, o inquérito determinado por Helena Roseta, será conduzido pelo Conselho Regional de Disciplina do Sul, e avaliado à luz do Regulamento de Deontologia profissional do sector, de forma a esclarecer as dúvidas relativas a um eventual conflito de interesses.

O director municipal e arquitecto Pires Marques, sócio do atelier Tacto, que elaborou o projecto de loteamento da Lismarvila para os terrenos da fábrica dos sabões, pediu a suspensão das suas funções municipais.

PUB