Volume de trabalho na construção diminui em Abril

Por a 30 de Junho de 2006

O emprego e o volume de trabalho na construção apresentaram evoluções negativas e taxas de variação de -5,6% e -11,4%

PUB

O emprego e o volume de trabalho na construção e obras públicas apresentaram evoluções negativas e taxas de variação de menos 5,6 por cento e menos 11,4 por cento, respectivamente, em comparação com período homólogo de 2005, de acordo com o relatório divulgado pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

As remunerações registaram um decréscimo de 0,2 por cento, contrariando as evoluções positivas que foram obtidas nos três meses anteriores, o que representa uma deterioração de 1,1 pontos percentuais face ao mês de Março.

O emprego na construção e obras públicas registou uma diminuição de 5,6% em comparação com Abril de 2005, um resultado que representa um agravamento de 0,3 pontos percentuais relativamente ao valor observado em Março.

Quando comparado com o mês anterior o emprego diminuiu 0,8 por cento (menos 0,5 por cento em Março) e o número de horas trabalhadas registou uma diminuição de 12,5 por cento, por influência do baixo número de dias úteis do mês de Abril.

PUB