Electrificação da linha da Beira Baixa avaliada em 150 milhões

Por a 4 de Agosto de 2005

beira baixa

Ricardo Batista e Carina Traça

PUB

A Câmara Municipal de Castelo Branco e a REFER estão a promover a construção de onze passagens desniveladas que, a somar às duas já construídas, permitirão suprimir a totalidade das dezasseis passagens de nível existentes no concelho de Castelo Branco, num projecto global avaliado em cerca de 150 milhões de euros.

Com os trabalhos agora promovidos a concurso público internacional, e cujo prazo de conclusão está previsto para 2007 e que estão orçados em cerca de 7,6 milhões de euros, fica concluído o processo de electrificação da linha da Beira Baixa, nomeadamente do troço Castelo Branco/Covilhã/Guarda, com 117 quilómetros de extensão.

O anúncio surge na sequência da inauguração do troço entre Mouriscas e Castelo Branco, avaliado em 75 milhões de euros, onde o primeiro-ministro, José Sócrates, salientou a importância do investimento na modernização da linha.

PUB